Tecnologia RFID na área de logística: quais os benefícios de ser aplicada na gestão de estoques

BLOG

HOME / Tecnologia RFID na área de logística: quais os benefícios de ser aplicada na gestão de estoques
Tecnologia RFID na área de logística: quais os benefícios de ser aplicada na gestão de estoques Tecnologia RFID na área de logística: quais os benefícios de ser aplicada na gestão de estoques

Tecnologia RFID na área de logística: quais os benefícios de ser aplicada na gestão de estoques

por Zion Logtec / 28 jul, 2022

Falar sobre tecnologia RFID na área da logística é falar sobre uma operação mais eficiente, ágil e rentável, algo que toda empresa procura. A ferramenta carrega como propósito a ideia de contribuir para a gestão do fluxo de materiais que se interligam entre a cadeia de suprimentos.

 

Com essa tecnologia, o gestor garante, na palma da mão, dados atualizados sobre os níveis de estoque, a localização das cargas durante todo o seu trajeto, processo de entrega e muito mais!

 

Sem dúvidas, em apenas dois parágrafos foi possível identificar alguns dos benefícios que a tecnologia RFID na área da logística pode proporcionar, não é mesmo? Mas calma, pois tem mais pontos a se conhecer sobre a ferramenta! Continue lendo as próximas linhas e saiba mais!

O que é tecnologia RFID na área da logística?

 

 

A sigla RFID vem do inglês, Radio Frequency Identification (Identificação por Radiofrequência). Trata-se de uma tecnologia que permite identificar, de forma individualizada, cada produto. A mesma ainda é capaz de registrar informações técnicas e permitir o seu rastreamento.

 

Na logística, o RFID é uma alternativa para o código de barras, contribuindo de forma efetiva com toda a cadeia de suprimentos. Isso porque, a ferramenta agiliza o trabalho de controle de estoque, bem como o processo de expedição, se aliando a outras ferramentas para registrar entradas e saídas de mercadorias.

 

É um método de identificação automática via ondas eletromagnéticas, capaz de capturar dados. Seu funcionamento acontece através de etiquetas com microchips que armazenam informações e leitores que capturam os dados codificados pelas etiquetas.

 

E onde essas etiquetas podem ser colocadas? Em embalagens, produtos ou equipamentos! Assim, ao passar o leitor, a etiqueta é identificada e as informações armazenadas.

 

Então, para facilitar o processo, antenas são colocadas em pontos estratégicos do armazém e um sistema de gestão faz o gerenciamento dos dados.

Etiquetas da tecnologia RFID na área da logística

 

A leitura das etiquetas feita pela ferramenta é bastante eficaz. Isso porque, ela não precisa ser estática e em linha reta, como é feito com o código de barras. Em alguns ambientes, inclusive, a tecnologia pode alcançar alturas superiores a 10 metros.

 

E quais são as etiquetas possíveis para a RFID?

  • Passivas: a mais simples da lista! As etiquetas passivas apenas recebem e respondem ao sinal eletromagnético enviado pela base transmissora. Elas são destinadas a ambientes mais pequenos, por funcionarem a curta distância. Apesar de não iniciarem a comunicação por conta própria, elas têm menor custo e maior vida útil.
  • Semipassivas: uma opção com bateria, mas que apenas alimenta os circuitos internos. Esta não cria novos sinais de radiofrequência para o leitor, dependendo, então, do sinal desse leitor para se comunicar.
  • Ativas: a mais complexa das opções. Esta, portanto, é capaz de emitir e receber o sinal com facilidade graças a bateria que alimenta tanto o circuito quanto a troca de informações. Sua capacidade de armazenamento é maior.

 

Enfim, de maneira geral, cada tipo de negócio pede uma solução específica. Por isso, antes de qualquer decisão, é importante fazer uma análise criteriosa da operação, identificando os pontos que necessitam de aperfeiçoamento e otimização.Clique aqui e fale conosco para mapearmos seu projeto

Quais as vantagens da RFID na gestão de estoque?

 

 

A agilidade e qualidade na entrega de produtos começa ainda nos primeiros processos de gerenciamento. Mas, apesar de ser um dos maiores desafios do setor, a tecnologia é capaz de otimizar o processo, garantindo mais agilidade e produtividade.

 

E dentre as as principais vantagens da RFID na gestão de estoque, são:

  • Rastreamento de itens;
  • Controle de mercadorias em estoque;
  • Monitoramento de ambientes;
  • Auxílio no funcionamento de sistemas antifurto;
  • Controle de acesso em locais restritos;
  • Auxilia o trabalho de sistemas de prevenção a falsificação.

Como a tecnologia RFID na área da logística influencia no dia a dia?

 

 

A ferramenta tem ganhado cada vez mais espaço na gestão de armazéns e, como você pôde ver nas linhas anteriores, não é para menos! Sua capacidade de contribuir para o gerenciamento de estoque e do inventário torna todo o processo mais escalável e eficaz. Por isso, alguns dos impactos positivos causados pela tecnologia RFID, são:

Rastreamento de produtos e cargas em tempo real

 

A tecnologia permite eliminar a contagem manual de materiais durante a operação de um armazém ou centro de distribuição. Assim, cada peça se torna passível de rastreamento, independente da etapa em que se encontra.

 

Equipamentos destinados à movimentação de cargas são compatíveis com a tecnologia RFID, o que possibilita acompanhar a localização de empilhadeira, paletes, caminhões e demais peças de alto valor agregado.

 

Além disso, falando especificamente do gerenciamento de frota, a ferramenta pode ser combinada com sistemas de GPS, garantindo que a posição da carga transportada e do veículo seja de conhecimento dos gerentes.

Melhor controle de estoque

Com a ferramenta, a atualização completa dos itens do estoque pode ser feita, permitindo que uma varredura periódica com o objetivo de contar, de forma exata, e localizar itens possa ser feita.

Gerenciamento de toda a cadeia

A cadeia de suprimentos é composta por diversos elos, como fabricantes, distribuidores e transportadoras. Por isso, podemos dizer que todos os processos são interdependentes.

 

Com a tecnologia RFID na área da logística torna-se possível garantir uma maior agilidade e segurança aos processos. Ou seja, a compra, produção, venda e transporte das mercadorias. Com o auxílio desta ferramenta, todas as etapas até a entrega ao cliente final são impactadas positivamente.

 

Enfim, não se pode negar: a tecnologia RFID se mostra uma grande aliada no que diz respeito ao melhoramento de processos da operação logística. Os resultados dos projetos que usam a ferramenta são extremamente satisfatórios, apresentando processos mais eficientes e aumento da lucratividade.

 

A gestão de um negócio, independente se ele é pequeno ou grande, precisa de atenção. Assim, garantir conhecimento e boas ferramentas ao alcance das mãos faz sempre a diferença para o crescimento no mercado.

 

E você, quer seguir o caminho de grandes corporações? Então, confira nossas soluções logísticas para gestão de armaz